quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Artigo de Sexta-feira, 16/09/11


Espírito, Alma e Corpo

carlosbachtold@hotmail.com

Este estudo é importante para compreendermos como o ser humano é formado e conhecermos sua estrutura.
I TS. 5:23
"E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. "
O ser humano é tripartido. Todo homem é constituído por espírito e alma e corpo. O corpo é diferente da alma e a alma é diferente do espírito. (que também é diferente do Espírito Santo)
 O homem é uma alma que tem um espírito e habita num corpo.
  • Espírito humano: Ponto de contato com Deus. É através do meu espírito que tenho consciência de Deus e me relaciono com Ele. Deus é Espírito e só podemos perceber Deus no espírito. (Ef. 2:22; JO. 4:24)
  • Alma: É tudo que o homem é. Sua personalidade. Seu ego. É o mundo dos pensamentos, sentimentos e decisões. A alma está entre o espírito e o corpo. Pertence aos dois. Está ligada ao mundo espiritual através do espírito e ao mundo material através do corpo. Através da alma tenho consciência de mim mesmo. 
    • Áreas da alma
      • Mente: Sede da alma, intelecto, pensamentos, raciocínios, memória.
      • Vontade: Instrumento para tomar decisões. Poder para escolher.
      • Emoções: Instrumento para expressar nossos sentimentos, gostos, simpatias, alegrias, tristezas, amor, ódio, etc.
(A alma do homem é singular)
  • Corpo: Minha forma visível. Com ele me relaciono com o mundo exterior. (ex.: Os cinco sentidos, fala, audição, visão, olfato, tato.).


Homem comparado ao Tabernáculo de Deus
I CO. 3:16
"Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?"
Criação e queda do homem
Deus criou o homem à sua imagem e semelhança. O criou para ter comunhão com ele. Adão antes da queda era um homem perfeito e usava todo seu potencial da alma, mas era governado pelo espírito.
Homem criado a semelhança de Deus. Tinha comunhão com Deus em espírito que governava sua alma, que por sua vez governava o corpo.
O homem era um ser governado pelo espírito
Após a queda o espírito do homem morreu para Deus e o homem perdeu a comunhão com Ele.
O homem passou a ser governado pela sua alma.
A Salvação
Salvação => Cura Completa (3 fases)
1) Justificação do espírito
  • Livra-me da culpa do pecado. É o inicio da caminhada.
Quando o homem caiu (escolheu fazer a própria vontade ao invés da vontade de Deus), ele morreu espiritualmente. O homem ficou então incapaz de ter comunhão com Deus por causa da culpa do pecado. GN. 3:7-10
  • O problema da culpa só tem duas soluções: É paga ou perdoada.
O homem por si só não pode justificar-se diante de Deus e remir sua culpa.
Deus é perfeitamente santo, puro, justo e qualquer erro, por menor que seja, qualquer pensamento impuro, qualquer deslize, para ele é uma ofensa terrível.
Mas pela sua misericórdia e amor Ele enviou Jesus, que foi perfeito, puro, justo, santo, não cometeu nenhum pecado e por isso foi oferecido como sacrifício pelos nossos pecados, nos perdoando e livrando de toda culpa. Podemos agora Ter comunhão com Deus livremente.
Aqui começa o drama do homem, ou ele aceita o perdão de Deus através de Jesus Cristo, ou ele vai tentar achar alguma forma de remir esse sentimento.
(religiosidade, obras, autopunição).
  • Religião => forma de o homem tentar aplacar a ira de Deus.
  • Recebemos o perdão pela graça de Deus, mediante a fé em Jesus Cristo. Mas muitas pessoas não aceitam ser salvas sem que tenham que fazer algo. A graça de Deus é uma afronta ao seu orgulho do homem.
O novo nascimento, a obra de Jesus por nós, vivifica o nosso espírito e podemos novamente ter comunhão com Deus. EF. 2:1; JO. 1:12-13
2) Santificação da alma
  • Cura das lembranças e emoções, vontade ajustada com a vontade de Deus. Imprime em nós o caráter de Cristo (caminhar por fé e não por sentimentos).
Deus cura nosso espírito nos dá tudo que precisamos para ter uma vida santa e reta em perfeita comunhão com Ele (um novo espírito, uma nova vida). II PE. 1:3
Em que nós enroscamos então?
Nas enfermidades da alma causadas pelo pecado (independência de Deus) em nossa mente, vontade e emoções.
Nossa alma (mente, vontade e emoções) foi afetada pelo pecado e também precisa de cura.
Quando nos convertemos Deus, através de sua Palavra, começa uma limpeza em nosso interior, em nossa alma.
LC. 21:19 - Ganhareis vossas almas
I PE. 1:9 - Objetivo: Salvação da alma (cura)
I PE. 1:22 - Purificação da alma (mente, vontade e emoções)
  • O Espírito é vivificado para que a partir daí comece a santificação da alma.
FP. 1:6 - Aquele que começou a boa obra...
Qual é esta obra?
A Santificação da alma (cura da alma)
Consiste no operar diário da cruz de Cristo em nossas vidas.
  • Cruz: quando a vontade de Deus entra em choque com a minha vontade e eu escolho fazer a vontade de Deus.
MT. 11:28-29
"Vinde a mim, todos os que estai cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas."
 3) Glorificação do corpo
O objetivo final na ressurreição ou arrebatamento, quando receberemos um novo corpo, semelhante ao de Cristo depois de ressurreto. I CO. 15:51-52



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostaria de saber sua opinião a respeito deste blog.
Por gentileza deixe aqui seus comentários.