sexta-feira, 19 de julho de 2019

Inimigo de DEUS?

       Quero refletir com você hoje sobre um tema deveras importante, diante do tempo exíguo que temos em nossa jornada por essa terra.
       A despeito de qual seja a formação que tenhamos, do que creiamos ou não, independentemente de nossa posição social, cultura, etnia, e até de nossa religião, princípios não se alteram por nossa causa - não os universais.
       Não podemos mudar a lei da gravidade, nem o ciclo da natureza ou as fases da vida... Tudo no universo funciona como foi determinado que funcionasse... Apesar do homem!
       Você alguma vez já pensou que, em algum momento, pode tornar-se um(a) inimigo(a) de DEUS?
       Essa posição, sem dúvida alguma, não é agradável ou vantajosa... A posição de inimizade contra DEUS, é a posição mais miserável do universo. Ninguém há de querer estar em tal situação.
       No entanto, é exatamente nessa situação que o homem se encontra cada vez que quer ser amigo do mundo, isto é, cada vez que quer desfrutar das coisas do mundo, apesar de elas desagradarem a DEUS.
       Em Tiago 4:4 está escrito que "a amizade do mundo é inimizade contra DEUS".
       Ora, o mundo nos apresenta muitas coisas que são, sem dúvida, atraentes, prazerosas, mas antes de nos colocarmos a desfrutar do que o mundo nos oferece, é preciso pensarmos se isso de alguma forma não está contrariando princípios Divinos estabelecidos desde a eternidade passada. 
       Será que o que estou prestes a fazer não entristece a DEUS, não rouba a Sua glória, ou não rouba alguma parcela de recursos (tempo, forças e até mesmo dinheiro) que eu poderia oferecer a DEUS?
       Será que o que estou vendo ou ouvindo não está, de alguma forma, contaminando minha mente, e me levando a ocupar minha memória com coisas impuras?
       Será que o que entra pela minha boca realmente tem o propósito de trazer saúde para meu corpo, que deve ser tratado como templo do Espírito Santo (1 CO. 3:16)?
       Conforme está em 1 CO. 10:31 - quer comais, quer bebais, quer façais "qualquer outra coisa", façais tudo para a glória de DEUS.
       Lembremo-nos que fomos criados para glorificarmos a DEUS, para sermos Sua habitação (conforme HB. 3:6; EF. 2:20-22; 1 PE. 2:5).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostaria de saber sua opinião a respeito deste blog.
Por gentileza deixe aqui seus comentários.